Entenda como a leitura dinâmica pode ajudar você no vestibular

O seu sucesso no vestibular está relacionado a um conjunto de fatores. Além da organização dos estudos e revisões constantes, também é importante investir na prática da escrita e leitura, que melhoram a sua habilidade de interpretação de textos e entendimento de conceitos e matérias. Para desenvolver essa capacidade, uma opção que tem conquistado os estudantes é a leitura dinâmica, que aumenta a velocidade de leitura a fim de proporcionar maior compreensão e retenção de informações.

A leitura dinâmica ou rápida é uma técnica que treina o seu cérebro para ler mais e melhor. Esse processo é feito a partir da adoção de métodos diferenciados que otimizam os seus estudos sem perda na qualidade de aprendizagem. Quer devorar os seus livros e melhorar a compreensão?

Então confira como a leitura dinâmica poder ajudar a entrar na faculdade.

Como funcionam as técnicas de scanning skimming?

O método mais utilizado e simples para realizar a leitura dinâmica é o scanning, que deve ser aplicado sempre que você estiver pesquisando por uma informação específica no texto. Essa técnica é focada na localização de palavras-chave ou datas relevantes dentro do conteúdo.

Para tanto, basta passar os olhos rapidamente sobre o texto, como se fosse um scanner, sem ler todas as palavras que estão escritas. Com isso, o cérebro processa somente as palavras-chave e, a partir daí, começa a codificar o material a ser assimilado.

Outra técnica popular é a skimming, que propõe ler os trechos mais importantes do texto, tendo como finalidade extrair a sua ideia principal. Há partes do texto que auxiliam a entender melhor o conteúdo. A execução é bem fácil: basta ler os títulos, subtítulos e a frase inicial dos parágrafos que possuem tópico frasal, ou seja, a ideia mais importante a ser tratada no parágrafo.

Como praticar a leitura dinâmica?

Se não for feita corretamente, a leitura dinâmica pode comprometer a sua compressão e impedir a memorização do conteúdo. Para evitar esse problema, você precisa ater-se a algumas ações que preparam o seu cérebro para receber novos dados, tais como:

Aquecer os globos oculares

Antes de começar a ler, esfregue as mãos até ficarem aquecidas. Na sequência, coloque-as suavemente em cima dos olhos por alguns segundos. Repita esse processo por aproximadamente dois minutos. Feito isso, movimente os olhos para cima, para baixo, para o lado esquerdo e direito. Assim, você os deixa aquecidos e preparados para o trabalho que será executado a seguir.

Ler várias palavras por vez

É necessário desenvolver a habilidade de ler blocos de palavras de uma única vez, compreendendo frases ou linhas completas. Para que isso seja viável, o estudante tem que exercitar a visão periférica. Quanto mais você aprimorar esse método, menos terá que voltar e reler trechos de um texto para entender o que foi disso. Isso poupa o seu tempo e otimiza os seus estudos.

Não pronunciar as palavras

Ao ler algo você costuma pronunciar as palavras? Para uma boa leitura dinâmica, você deve eliminar esse hábito, uma vez que a pronúncia de cada termo acaba atrasando a leitura, além de prejudicar a compreensão do material, fazendo com que seja necessário ler a mesma coisa diversas vezes.

Agora você já pode começar a praticar a leitura dinâmica e ler livros e demais conteúdos rapidamente, além de expandir o seu vocabulário e argumentações para escrever a redação e responder às questões dos simulados e da prova oficial do vestibular.

Gostou deste post? Tem alguma dúvida? Deixe o seu comentário para que possamos esclarecê-las.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *